Central de Adubos

Pernambuco e Bahia lideram ranking de maiores exportadores de frutas do Brasil

Segundo o levantamento realizado pela Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas (Abrafrutas),  Pernambuco, Bahia, Ceará e Rio Grande do Norte foram os estados que mais enviaram frutas para o exterior em 2021. Isso se converteu em US$ 780 milhões em exportações do segmento frutícola no ano passado. 

No topo da lista, Pernambuco se consolidou como o maior exportador de frutas do país, principalmente por conta da cidade de Petrolina, que é referência nacional em fruticultura. A cidade, inserida no Vale do São Francisco, é uma grande produtora de uvas, goiabas e mangas e registrou, só no
ano passado, uma receita de US$ 244 milhões na exportação de frutas no estado.

Na segunda posição, a Bahia arrecadou, no mesmo período, US$ 191 milhões nas vendas de frutas para o comércio exterior. O estado é reconhecido como um polo agrícola nacional no cultivo e envio de mangas, principalmente, para a Europa e os Estados Unidos.

Já o Ceará teve um crescimento nas vendas externas, saindo da quinta colocação, em 2020, para a terceira em 2021, quando
obteve um faturamento de US$ 178 milhões com a venda de melões, mangas, melancias, entre outras frutas para destinos como Estados Unidos, Holanda, Alemanha e Reino Unido.

A quarta posição fica com o Rio Grande do Norte, que arrecadou US$ 167 milhões em exportações no ano de 2021, com destaque
para o melão, já que o estado é o maior produtor e exportador nacional da fruta.

Novo mercado

Recentemente, em fevereiro deste ano, o Brasil abriu ainda mais o mercado externo, com o primeiro envio de melão para a China. Segundo o Siscomex – Sistema Integrado de Comércio Exterior, cerca de 3,5 toneladas da fruta desembarcaram no Aeroporto de Xangai.

Balanço geral

Em 2021, o Brasil enviou cerca de 1,2 milhão de toneladas de frutas para o mercado externo, 18% a mais em relação ao ano anterior, obtendo um faturamento de US $1,060 bilhão. Um dos motivos se deve à valorização da moeda americana frente ao real, segundo a Abrafrutas.

As exportações das frutas nacionais em 2021 tiveram como principais destinos a União Europeia (48%), os Estados Unidos (16%), o Reino Unido (14%), a Argentina (4%) e o Canadá (3%).

A manga foi a fruta brasileira mais exportada em 2021, segundo as estatísticas de Comércio Exterior do Agronegócio Brasileiro (Agrostat/Mapa). A fruta teve um faturamento de US$ 248 milhões, o que representa um aumento de 0,3% em relação ao ano anterior. Em seguida, ficou o melão (US$ 165 milhões), a uva (US$ 155 milhões) e o limão (US$ 123 milhões).

QUEM LEU ESSA NOTÍCIA, TAMBÉM LEU ESTAS: