Central de Adubos

Manga: tommy e palmer têm movimentos de preço distintos no Vale

Os preços da manga tommy continuaram em movimento de queda, entre os dias 07 e 11 novembro, em todas as regiões produtoras. Em Livramento de Nossa Senhora (BA), a redução foi a mais intensa dentre as praças acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea, de -31% na semana em relação à passada, fechando a R$ 0,48/kg.

No caso do Vale do São Francisco (PE/BA), a retração do valor da tommy, apesar de mais amena que na praça baiana, também foi significativa, com queda de 14,3%, fechando à média de R$ 0,68/kg. Em ambas as praças, estes valores são bem inferiores aos custos unitários de produção.

Para a manga palmer, por outro lado, os preços subiram nesta semana no Vale. A média de comercialização foi de R$ 1,22/kg, alta de 12,8% em comparação com a semana passada, sendo 79% acima do preço da tommy na mesma região.

No geral, a justificativa para a forte pressão nas cotações da tommy é a concorrência com Monte Alto/Taquaritinga (SP), que, atualmente, só está colhendo essa variedade, e o encerramento precoce das exportações aos Estados Unidos.

QUEM LEU ESSA NOTÍCIA, TAMBÉM LEU ESTAS: